Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Dois veículos adaptados estão em funcionamento em Londrina e, ainda neste semestre, mais quatro táxis devem iniciar esse serviçoO município de Londrina é o primeiro do Paraná e o décimo do país, a contar com táxis adaptados para o transporte de pessoas com deficiência. São dois vewículos que ficarão no ponto localizado no ponto do Aeroporto e outro no ponto localizado na Borba Gato com a Souza Naves. Os veículos adaptados são identificados, inclusive, com o selo universal da pessoa com deficiência. Os carros apresentados possuem plataforma para embarcar e desembarcar o cadeirante sem a necessidade de sair da cadeira de rodas. E para maior conforto, foram mantidos também os lugares para os acompanhantes.

De acordo com o diretor de Trânsito e Transportes da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), Wilson de Jesus, disse que a meta é suprir uma demanda existente em Londrina, uma vez que o transporte porta a porta mantido pela CMTU, voltado ao mesmo público, atende somente pessoas com renda de até um salário mínimo. Ele enfatizou que há outras pessoas que não eram atendidos nem pelo poder público e nem pela iniciativa privada.

Os locais escolhidos para abrigar os táxis, segundo Wilson de Jesus, foi após análise da demanda do serviço de transporte porta a porta. "Próximo à Souza Naves, por exemplo, há uma ampla rede de serviço médico e fisioterápico, havendo demanda para esse serviço. E novos pontos estão sendo analisados, após uma nova licitação para o serviço", enfatizou.

O projeto dos táxis adaptados começou em agosto de 2011, sendo implantado dois veículos agora. No entanto, um novo processo licitatório está em andamento para que o município tenha mais quatro táxis para cadeirantes.

Comentários (0)

Classificado 0 em 5 com base em 0 votos
Ainda não há comentários publicados aqui

Deixe seus comentários

  1. Publicar comentário como convidado.
Rate this post:
0 Caracteres
Anexos (0 / 3)
Compartilhe sua localização
Digite o texto apresentado na imagem abaixo