1. kenywats
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. Quarta, 05 Novembro 2008
  4.  Assinar via e-mail
Alguém poderia me esclarecer se o seguro do carro de PPD deve ser feito no valor de mercado (sem isenção) ou pelo valor de compra (com isenção). Essa dúvida nem alguns corretores souberam me esclarecer com certeza. Soube, não me lembro por onde, que a Seguradora que ficar com o carro como salvado para se utilizar deste deve pagar os impostos isentados ou repassar somente a outro deficiente beneficiado com isenção. Por outro lado, também existe a dúvida se o deficiente que perdeu o carro pode comprar outro com isenção antes dos 3 anos.
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
O IPVA de veiculos roubados é devolvido, tente ver mais sobre isso. Sei que vc´s não haviam pago, mas se tiverem que pagar, vejam direito sobre a lei.Sempre tive muito medo de fazer segura e sair no prejuizo, sempre "encho" muito meu corretor, eles não estão preparados para nos atender.
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 1
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
Boa tarde!Informo a todos, que a única seguradora no Brasil que devolve o valor INTEGRAL (VALOR DE MERCADO) do veículo é a Allianz. Seguro auto - ESPECIAL. Estou tirando um New Fit LX, e será pela Allianz devido a ter este produto disponível.Qualquer dúvida, entre em contato com sua seguradora ou na própria Allianz e se informem, saibam que nem os próprios funcionários das seguradoras comuns sabem disso.Ana
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 2
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
A cobertura depende do que foi colocado na apólice. Tive um caso na familia em que o sinistro ocorreu uma semana após a retirada de um Honda Fit LX com isenção. O mesmo ja estava segurado, porém a apólice não havia sido emitida. Na proposta estava estipulado 110% da Fipe e foi pago a Maritima o prémio de 110% da Fipe. Porém a Maritima emitiu a apólice em 87% da Fipe alegando que em caso de sinistro ela deveria recolher os impostos para poder dar uma destinação ao veiculo. Como o sinistro ja havia ocorrido o corretor teve que aceitar essa apólice para pelo menos reduzir a perda. Como sabemos, em caso de indenização integral, o veiculo deve ser baixado junto ao Detran, logo não é necessario o recolhimento de impostos e nem é viável que o veiculo volte a circular. Se ele teve perda total conforme orçamento da concessionária como é viável querer fazer com que esse veiculo volte a circular? Só se for recuperado de forma indevida, em que se reguraliza os documentos e com peças roubadas monta-se um novo carro no chassi regular, ou seja, um absurdo!!! Enfim, tivemos que brigar um monte para que o veiculo fosse baixado. Recebemos 87% da Fipe porém entraremos com um processo pedindo a diferença pois pagamos por 110%. O pagamento pela Maritima demorou meses pois havia a pendência do IPVA que não foi pago pois temos a isenção que demorou a entrar no sistema do Detran. Ainda não sei se será possivel uma nova isenção antes do prazo de 3 anos e claro que o valor pago pela Maritima não é o suficiente para adquirir um novo carro. O caso se arrasta a mais de 4 meses e estamos sem carro por todo esse periodo. É um absurdo essa postura da seguradora em não pagar pelo valor de mercado afinal, em caso de perda total, ela não deverá recolher os impostos pois o carro não pode voltar a circular, se é irrecuperável da maneira correta para o propretário é irrecuperável para todos!!! Essa postura é só mais uma maneira de maximizar os lucros em cima do consumidor que se sente intimidado perante um grande grupo. Quando se faz um seguro vc paga para transferir o risco a Cia, eles cobram por isso e não fazem nenhum favor ao pagar o premio! Recomendo que prestem atenção as cláusulas e argumentem antes de fechar um seguro para evitar futuros aborrecimentos. Um grande abraço e boa sorte a todos.
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 3
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
o seguro do meu Honda Fit sempre foi feito com Alfa Seguradora, representada pela Guaçu Seguros e não tem essa de valor da NF, pelo que o corretor me disse eh o valor de mercado.. Entre em contato para mais detalhes. http://www.guacuseguros.com.br/seguro.html
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 4
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
Mandei um e-mail ao meu corretor e ele respondeu: "conheço bem este benefício da compra com isenções. A cobertura do seguro é fundamental na contratação. No orçamento do seguro existem cláusulas específicas que atribuem desconto em razão à isenção de impostos, logo o valor segurado do carro diminue. A melhor forma de contratação é 100% do valor de mercado, independentemente das isenções do benefício. Vai do contrato e valor estipulado na apólice que vc pretende segurar o veículo. A Porto Seguro pode ter negado indenizar o valor total porque foi mal contratado pelo corretor, pois como falei no orçamento as claúsulas atribuem descontos automaticamente no valor do seguro e do carro."
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 5
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
PessoalA Ana está certa. A isenção do IPI só pode ser pedida a cada 2 anos. Conheço duas pessoas com deficiência que tiveram perda total no carro e não conseguiram nova isenção. Para azar deles tinham feito seguro com a Porto Seguro e tiveram que juntar grana para conseguir comprar um carro zero. Quem vai fazer seguro adquirido com isenção deve fazer com a Allianz.
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 6
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
Caro Great_Vix,Sua carta foi para o Detran, certo?Pelo que entendi então basta o carro estar com "baixa" no Detran para poder ter direito a nova Isenção ou tem que comprovar com outras documentações nas Receitas Federal e Estadual?
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 7
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
PERDA TOTAL EM VEÍCULO COM ISENÇÃO__________________________________________Eu, xxxxxxxxxxxx, aposentado, portadora do RG n0 xxxxxxxxxxx, CPF n0 xxxxxxxxxx, residente na Rua xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx, proprietário do veículo xxxxxxxxxxx placa xxxxxxxxxxxx, chassi nº xxxxxxxxxxxxxxxxx e renavam nº xxxxxxxxxxxxxxx venho mui respeitosamente informar a V.Sa. que o veículo mencionado acima sofreu sinistro no dia xx/xx/xxxx sendo considerado pela seguradora como “perda total”, haja vista que o mesmo sofreu “indenização integral” (conforme circular SUSEP n. 145/00, entende-se indenização integral como sinônimo de perda total). O laudo da seguradora anexado comprova que o custo para conserto de veículo (R$xxxxx) atingiu xxxx% do valor presente na tabela FIPE (R$xxxxx) inviabilizando sua reforma.Preliminarmente tentei contato com a seguradora para solicitar a baixa do veículo, porém a mesma não permitiu que isso fosse realizado obrigando a transferência do mesmo para sua propriedade. Portanto, na intenção de me isentar de quaisquer danos futuros que por ventura possam ser causados pela omissão de tal informação, venho comunicar o ocorrido.Conforme portaria n0 627 do DETRAN-SP (DOE 08/02/2006) que dispõe sobre a classificação de sinistro do veículo (artigo 40) solicito a V.Sa. a avaliação da necessidade de reclassificação do veículo como perda total e a sua conseqüente baixa. “Art. 4º A autoridade de trânsito poderá, de forma subsidiária, utilizar os critérios de classificação, nomenclatura e demais definições técnicas ou jurídicas utilizadas pela companhia seguradora, inclusive os relacionadas com a avaliação, indenização total ou parcial e venda em hasta pública”.Em anexo foram incluídos os seguintes documentos comprobatórios: laudo da seguradora, DUT, cópia da tabela FIPE impressa no dia xx/xx/xx e cópia do boletim de ocorrência de acidente de trânsito rodoviário.Sem mais para o momento, aproveito para apresentar os meus protestos de estima e consideração.__________________________________________Se o carro foi dado como perda total vc consegue sim comprar outro independente do prazo de 3 anos.Qdo comprei meu Fit, fiz o seguro pela Tókio Marine, na própria Honda, que o segurou pelo valor da tabela FIPE + 10%Não sei informar de outras seguradoras.Abraços,Francisco
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 8
Resposta AceitaPending Moderation
0
Votos
Desfazer
Somente a Allianz tem o seguro que no caso de sinistro, ele devolve o valor integral do carro, ou seja, o valor de mercado. Outras segurados te devolverão o valor de nota...sendo que terá que comprar um carro usado pelo valor que eles te devolverão...pois, não poderá comprar outro carro com isenção no período de 3 anos.
Comentar
Não há comentários feitos ainda.
Adicionar comentário
  1. mais de um mês atrás
  2. ?? Tire suas Duvidas??
  3. # 9
  • Página :
  • 1


Não há respostas feitas para essa postagem ainda.
Seja um dos primeiros a responder a esta postagem!
Convidado
Sua Resposta
Você pode inserir enquetes na sua postagem. A enquete irá então aparecer na postagem.
Opções de Voto
Nesta seção você pode fornecer seus detalhes do site aqui e é visível apenas para os moderadores.
Compartilhar Localização

Compartilha a sua localização atual ao postar uma nova pergunta permitem que os visualizadores identifiquem o local onde você está localizado.

Latitude:
Longitude:
Captcha
Para protejer o site de bots e scripts não autorizados, nós solicitamos que você digite os códigos de captcha abaixo antes de publicar a sua pergunta.